Saturday, January 03, 2009


Reflexões neste regresso de uma ausência prolongada...


No meio da desordem, da tristeza, da dor e das desilusões que, mesmo sem o sabermos, atraímos para as nossas vidas, há sempre um espaço em cada um de nós, que é sereno, abrigado e de paz...

É como o olho do furacão, ou como as águas profundas do mar, que ficam alheias às tempestades que ocorrem à superfície.

É nesse espaço que nos devemos recuperar e repousar.

É aí que ouvimos aquela voz que nos diz:

És muito mais que dores, sofrimento ou alegrias.
És Consciência eterna e paz...

É o que tu és...

JOSÉ ANTÓNIO



Por vezes, pode parecer impossível que exista esse silêncio, que não é um vazio, mas um íntimo conforto inesperado...
No meio da turbulência e do ruído quase perpétuo da sociedade actual, que nos deixa incapazes de lidar com a ausência de ruído, como reverter para esse âmago do nosso Ser?

Que descoberta para fazermos!

ISABEL

17 comments:

Angel of Light said...

Olá meus queridos!

Sejam bem-vindos... novamente! fazem muita falta por aqui. Já tinha muitas saudades... Obrigada pelo vosso regresso.

Conseguirmos encontrar o nosso próprio silêncio, o nosso "jardim encantado" de recolhimento no nosso interior, é uma benção no meio do caos que o nosso amado planeta Terra atravessa. Mas só assim conseguiremos andar para a frente nesta nossa passagem aqui na Terra.

Obrigada pela partilha!

Gosto muito de vós...

Cubro-vos de luzinhas douradas e cor-de-rosa.

Beijinhos de Amor e Luz!

Multiolhares said...

Bom regresso, a vida terrena é feita de altos e baixos, e na nossa aprendizagem temos de as superar, são escadas que subimos e normalmente pela dor, uma forma talvez que temos de ir pagando o nosso karma, e penso que enquanto tivermos moeda de troca que é feita pela aceitação entrega, perdão amor e dor ainda vamos podendo pagar a dor que já causamos
beijinhos

Mariz said...

Salvé!
Vim pela mão da Multiolhares de quem muito gosto por irmã de Caminhada!
E li...e reflecti nas palavras e a minha alma aprovou. Como a partir deste ano a mudança se faz mais rapidamente e com menos panos quentes do Alto, é bom que voemos então, antes que se faça tarde.
Deixo um presente de boas-vindas...em vez de duas meninas como verão - que tanto podem ser amigas ou irmãs - dou-vos a minha mão e em conjunto, mais os que se nos juntarem...
Voemos então...

Sempre...
Mariz

Isabel José António said...

Querida Mariz,

Muito obrigada pelas carinhosas palavras que deixou no nosso blogue - já viemos visitar a sua casa e ficámos muito animados por haver cada vez maior número de pessoas que tendem para a Luz e para a Bondade. Bem Haja!

Isabel e José António

Isabel José António said...

Querida Angel of Light,

Muito obrigada por ter sido logo a primeira a acorrer a este nosso cantinho! Seja bem vinda!

Neste ano, que todos afirmam poder ser tão difícil e exigente, procuremos realmente dar de nós o melhor, o mais belo, o mais luminoso.

Um abraço da Isabel e do José António

Isabel José António said...

Querida Multiolhares,

O seu comentário reflecte realmente já uma grande sabedoria e o costume de analisar com calma as agruras da vida. Às vezes, seria bom conseguirmos transformá-las em Alegria e Bondade! E a melhor notícia é que, por vezes, é mesmo possível!

Um abraço da Isabel e do José António

Derfel said...

Saudações

Peço licença para ir entrando neste blog tão sentido.

E assim, pé ante pé, entro e olho como uma criança num palácio, fascinado e feliz, por haver "lugares" destes...

Não vou comentar o post, deixarei para outra altura, mas serve o comentário apenas para vos dizer que gostei muito deste vosso cantinho de reflexões, no qual se sente muita Paz.

Agradecido pela partilha, voltarei muitas mais vezes :)

PS: Vim trazido pela mão de um "Anjo de LUZ" ;)

Knight_Derfel
"SOMOS LUZ dentro de nós"

Isabel José António said...

Querido Derfel,

Muito obrigada por ter vindo cá, e também à Angel of Light por o ter "encaminhado". Já fomos visitar o seu post sobre os Anjos e gostámos!

Um abraço e vá ver também os nossos outros cantinhos, sobretudo o Poesia Viva e o Observatório.

Isabel e José António

Serenidade said...

Olá queridos amigos e irmãos!

Que bom ter-vos, novamente por cá.
É sempre um prazer ler-vos, reflectir nas palavras que nos transmitem, com tanta sabedoria.

Que este seja um ano de evolução efectiva, onde o Amor, a Esperança, a Humildade. a Organização e a entre-ajuda sejam prioritárias.

Obrigada pela companhia em 2008.
Continuemos a nossa amizade em 2009

Sorrisos serenos.

Isabel José António said...

Querida Serenidade,

Muito obrigado pela tua passagem nesta tua casa.

Já te visitámos também.

Muitos beijinhos da Isabel e meus.

José António

São said...

Que bom haver quem nos recorde o essencial...
A minha gratidão por isso!

Isabel José António said...

Querida Amiga São,

Muito obrigado pela sua visita.

Que o ano de 2009, ainda no início e cheio de núvens negras a pairarem sobre ele, lhe possa proporcionar muitas boas realizações pessoais.

Um abraço

José António

CarlaSofia said...

Olá!
Vim espreitar este espaço acolhedor e gostei do texto que acompanha o vosso regresso. Na verdade, julgo que temos que desenvolver cada vez mais a equanimidade. Não nos deixarmos afectar pelas influências externas que a toda a hora nos levam ao mundo da emoção. Devemos ser persistentes no caminho da paz interior, na verdade esse é o caminho que conduz ao nosso ser, tal como dizem, o caminho do coração...
deixo aqui um sorriso cheio de LUZ e até breve

Desambientado said...

Profundo.
Somos tudo isso e temos tudo isso em escalas diferentes, como numa lei que nos obriga a ser únicos, com intensidades diferentes de dor e alegria.

Isabel José António said...

Cara Amiga Carla Sofia,

Muito obrigado pela sua visita a este nosso espaço. Também já lhe deixámos um comentário no seu último post.

Não deixe também de visitar também de visitar os nossos outros blogs.

Um grande abraço

José António

Isabel José António said...

Querido Amigo Félix,

Muito obrigado pela visita a este espaço.

É claro que o que diz no seu comentário também é verdadeiro. Todos os níveis energéticos, dos mais densos e pesados, até aos mais subtis e leves, estão interligados e funcionam em vários níveis.

Um bom domingo

José António

Chica said...

Eu não os conhecia ainda quando se ausentaram. Porém fico contente que tenham retornado. Aliás, estou sentindo falta nos últimos dias de post novos! Um abração aos doois,chica